Saturday, June 28, 2014

A DEMOCRACIA ESTÁ COM SEUS DIAS CONTADOS

 Prezados Amigos e Conhecidos,


A DEMOCRACIA está com seus dias contados!


http://bandnewstv.band.uol.com.br/colunistas/coluna.asp?idc=72&idn=718471&tt=fernando-mitre&tc=nova-pesquisa-refor%C3%A7a-grande-desinteresse-dos-eleitores

http://bandnewstv.band.uol.com.br/colunistas/coluna.asp?idc=72&idn=717638&tt=fernando-mitre&tc=numero-de-eleitores-indecisos-chama-a-atencao-nas-pesquisas

http://bandnewstv.band.uol.com.br/entrevistas/conteudo.asp?ID=53688&tc=entrevista-com-jefferson-peres



       Mas a mudança de um sistema altamente corrupto para um que dificulte e penalize enormemente as ações de corrupção, nunca vai ser apoiada por  estas assembleias formadas por uma maioria fisiologista e adultera.

                                       A saída será  pelo  REGIME SOCIETOCRÁTICO, mas tomemos cuidado 

                                                                                 http://www.youtube.com/watch?v=dmYo8xrHI9M.

       Não deve ser implantado por REVOLUÇÃO POPULAR, e sim por “Acordos Políticos” mantido  a Ordem pelas FFAA, cumprindo a CONSTITUIÇÃO SOCIETOCRÁTICA REPUBLICANA que estes  devem estar conscientemente aprovando a Nova Ideia, Comandada por um Civil - Pronunciador Republicano, no cargo de Presidente da República e de origem CONSERVADORA NÃO RETRÓGRADA - GENUINAMENTE BRASILEIRO. Patriota e Nacionalista Moderado, que defenda Os Monopólios Estratégicos e a Não Privatização do BC. A consolidação da Família, o engrandecimento da noção de Pátria e de um Plano Nacional de Educação e Instrução Cientifica.  A Educação pré-primária e primária estarão na mão do ESTADO. Os demais níveis serão privatizados com bolsa de estudo, para os  sem recursos, mas que por mérito devem ser ajudados para lutarem pelo engrandecimento de nossa Nação. E outras mudanças importantes para criarmos a Civilização Brasileira.


                               http://societocratic-political-regime.blogspot.com.br/2014/06/acordos-politicos.html

        Estudem e façam uma reflexão, para não mergulharmos no CAOS de uma Guerra  Civil!

Saúde, com respeito e fraternidade,


 

Monday, June 23, 2014

NOVA ORDEM MUNDIAL E A GOVERNANÇA GLOBAL


 Introdução:

                Não sou especialista nesta matéria, mas apenas um “estudante” que desejou procurar entender os emaranhados do Poder Econômico e Militar Internacional e Nacional, objetivando fazer um “Apelo aos Conservadores”, para considerar  Novas Ideias, no campo da Organização Conjuntural e Estrutural do Regime Político Brasileiro, para contemporizar onde possível, com a Governança Global, da Nova Ordem Mundial, para um Desenvolvimento mais pacífico, do Bem estar Moral e Social da Nação Brasileira, sem perder a Noção de Soberania Nacional, Patriotismo, Nacionalismo Moderado e o engrandecimento da instituição Família e da formação moral do cidadão brasileiro.

                Antes de entrar na análise e nas proposições seria de bom alvitre apresentar  de forma resumida a Ciência Sociologia Científica, para nos dar condições de diagnosticar os problemas Nacionais e Internacionais e suas prováveis soluções e controles, na procura da PAZ.

A Sociologia Positiva ou Sociologia Científica é a Ciência  que tem por  Objeto o Organismo Social  e  Seu  Desenvolvimento, isto é, o Estudo da  Ordem e do Progresso (Normal e {Patológico [ Ordem Retrógrada e Progresso Anárquico ]} ) de uma Sociedade.

A Sociologia Positiva tem por Fim o estabelecimento das relações Naturais  através das quais, sendo conhecidas  à formação e a estrutura de uma Sociedade, podemos prever suas condições  presentes e futuras  de existência e de seu comportamento.

A Sociologia  tem por Método a filiação histórica, que é o modo de raciocinar pelo qual induzimos através da  contemplação de fenômenos sucessivos  como fontes de observação dos Vestígios Religiosos (Sentimentos); as Leis Filosóficas Naturais Científicas (Inteligência) e  das Ações  Políticas (Caráter). http://livrospositivistas.blogspot.com.br/2014/06/a-ciencia-sociologia-positiva.html

Não se pode na Sociologia, como é realizada na Ciência Moral conhecer tão profundamente os fatores Afetivos que criaram tais vestígios; isto não significa que não tenham estado presentes, isto é: participado, pois nada é indiferente perante os Sentimentos ( Altruísmos e egoísmos) ; pois, a parte sentimental é profundamente analisada na Ciência Moral Teórica Positiva, ou Ciência da Construção ou ainda conhecida como Psicologia Científica.

            Esta Ciência Moral Positiva, acima citada, que trata do Conhecimento e do Aperfeiçoamento Individual da Natureza Humana pode ser apresentada fora deste artigo, no entanto, para elucidar, de forma simplificada e sintetizada pelo Método da Construção, grupando-a em MORAL TEÓRICA (DEVERES) e MORAL PRATICA (DISCIPLINAS ou EDUCAÇÃO dos SENTIMENTOS e INSTRUÇÃO CIENTÍFICA), como abaixo esquematizada em seus Teoremas.

MORAL TEÓRICA (DEVERES)

     1)     Teorema Cerebral
           Funções Interiores,
           Funções Exteriores e Inervação.

      2)     Teorema do Gran Ser.
            Família, Pátria e Humanidade.

      3)     Teorema da Unidade.
              União, Unidade e Continuidade.

      4)   Teorema Vital.
             Existência, Saúde e Moléstia.

      5)   Teorema do Sentimento.
            Personalidade, Sociabilidade e Moralidade.

      6)     Teorema da Inteligência.
           Razão Abstrata, razão Concreta e Harmonia Mental.

     7)     Teorema da Atividade.
            Prática, Filosófica e Poética.


MORAL PRÁTICA (EDUCAÇÃO dos SENTIMENTOS / INSTRUÇÃO CIENTÍFICA)

1)     Educação da Primeira Infância
Da concepção aos 7 anos

2)     Educação da Segunda Infância
Dos 7 anos aos 14 anos.

3)     Educação da Adolescência
Dos 14 aos 21 anos

4)     Educação da Juventude.  
Dos 21 aos 28 anos

5)     Educação da Virilidade
Dos 28 aos 42 anos

6)     Educação da Madureza.
Dos 42 aos 63 anos

7)     Educação do Retiro
Dos 63 até a MORTE OBJETIVA.

Para aqueles interessados no assunto, os Pedagogos; cada uma destas fases da educação pode ser enviada para melhor apreciação pelo Catecismo Positivista resumido de Luiz Lagarrigue, que demonstra em detalhe os principais pontos de cada uma destas sete fases da Educação/ Instrução. Como o sistema de educação aqui proposto conflita com os interesses do capitalismo, não quer dizer que novas ideias não possam surgir para amenizar os conflitos existentes hoje em dia, até virmos atingir o estado Normal da Humanidade. É utópico mas não é quimérico.

Podemos apresentar de forma mais sumária as Aplicações Tecnológicas ou Regras Práticas, isto é, a Ação Total da Humanidade sobre o Planeta Terra, com base em cada uma das Ciências da Cadeia Enciclopédica, para consolidar este documento, no contesto global, assim sendo teremos:.


A SUBORDINAÇÃO CONTÍNUA  DA ENCICLOPÉDIA CONCRETA  À   ENCICLOPÉDIA ABSTRATA 


1) AÇÃO MORAL   

Organização Sentimental – POLÍTICA SACERDOTAL – NORMAS E DISCIPLINAS – COM BASES NAS LEIS FILOSÓFICAS DOS DEVERES (INDIVIDUAL, FAMILIAR, PATRIÓTICA, OCIDENTAL, ORIENTAL E PLANETÁRIO), QUE DEVEM SUBORDINAR AS LEIS DO DIREITO.

2) AÇÃO SOCIOLÓGICA

ECONOMIA TEMPORAL da Indústria Positiva ou Científica - ECONOMIA POLÍTICA da INDÚSTRIA POSITIVA ou CIENTÍFICA. – POLÍTICA GOVERNAMENTAL -- HISTÓRIA.
       
3)  AÇÃO BIOLÓGICA DA HUMANIDADE

Agronomia, Agricultura, Veterinária, Medicina, Odontologia, Cirurgia, Piscicultura, Células Tronco e etc.

4)    AÇÃO QUÍMICA  DA HUMANIDADE

Metalurgia, Geologia, Farmacologia, Refinaria e etc. 

5)    AÇÃO FÍSICA da HUMANIDADE

Meteorologia, Radiologia, Telegrafia, Telefonia, Rádio, TV, Internet e etc.

6)    AÇÃO ASTRONÔMICA da HUMANIDADE

Náutica, Geografia e etc.

7)    AÇÃO MATEMÁTICA da HUMANIDADE

Topografia, Contabilidade, Geodésica, Estatística, Números Primos e etc.

VAMOS NOS DEDICAR NESTE TRABALHO NAS AÇÕES MORAL E SOCIOLÓGICA.

Apenas para enriquecimento científico, mas de visão útil, seja para identificarmo-nos em qualquer fase de nossa evolução, mas representada para uma fase futura, do Estado Normal da Evolução da Humanidade, nos dando uma ideia  de conjunto, das Interfaces do Culto, do Dogma e do Regime, neste caso aplicado à Doutrina Positivista. Mas não invalida ser extrapolada para outras Doutrinas, a onde aplicável.   Esta apresentação não expressa à realidade de hoje. Está sendo apresentada abaixo, de forma esquemática para servir de parâmetro aos nossos atuais planejamentos. A Organização Espiritual (Igreja) é separada da Organização Temporal ( Estado); mas com certeza uma é subordinada a outra e no Futuro quando começar faltar matéria prima no mundo (Até o próprio AR) a Política ficará subordinada a Moral Positiva ou Científica:  http://palacazgrandesartigos.blogspot.com.br/2014/06/subordinar-politica-moral-positiva.html , mas antes disto ocorrer apresentaremos Novas Ideias para minimizar  e evitar estes graves transtornos que geram tendências para os atuais  grandes  conflitos.



Os CEOs, os ECONOMISTAS, os FINANCISTAS e os ADMINITRADORES tipo MBA  que elaboram os planos mundiais – NOVA ORDEM MUNDIAL e GOVERNAÇA GLOBAL, são representantes da ORGANIZAÇÃO INDUSTRIAL ( Industria quer dizer trabalho em conjunto para gerar produtos e serviços) sem noção e  cultura simultânea, muitas  vezes das sete ciências e suas aplicações tecnológicas – Matemática, Astronomia, Física, Química, Biologia, Sociologia e Moral – e nunca tomaram conhecimento das 15 Leis Filosóficas da Fatalidade Suprema*(http://sccbesme-humanidade.blogspot.com.br/2013/01/em-teste-sinopse-das-15-leis-naturais.html ) e muito menos da formação das Organizações  Espiritual e Temporal, geradas por cérebros jovens de elevada inteligência, sem sabedoria social ( Sabedoria não se adquire em Universidade), normalmente altamente orgulhosos,  geradores de grandes ruídos. Vejam dois exemplos de Sabedoria, mas que ainda não foram privilegiados com um pouco de Poder para serem lidos e executados:     http://palacazgrandesartigos.blogspot.com.br/2013/06/declaracao-universal-dos-deveres-e-dos.html      http://palacazgrandesartigos.blogspot.com.br/2013/06/sugestao-para-um-conselho-moral-sob.html


COMPLEMENTAÇÃO DA INTRODUÇÃO

       Para podermos desenvolver sem golpe, de baixo para cima, propomos que analisem o conteúdo deste link -  http://societocratic-political-regime.blogspot.com.br/2014/06/acordos-politicos.html sobre a melhor forma pacífica de se realizar uma Mudança de Regime Político. Caso não seja possível estaremos caminhando para uma Guerra Civil, semelhante ao caso da Síria, do Iraque e do Oriente Médio, com interferência dos poderes militares externos, nos impondo uma Ditadura, na presença de um impostor Conservador Retrógrado, por meio de uma eleição democrática fraudulenta de cunho mentiroso e oportunista para vingar somente os interesses externos e seus representantes.   
 . 
          
  NOVA ORDEM MUNDIAL E A GOVERNANÇA GLOBAL PROPRIAMENTE DITA
INTRODUÇÃO

       A Nação Brasileira para fazer frente aos seus interesses, domésticos e internacionais, nos Campos do CAPITAL MORAL, do CAPITAL CIENTÍFICO e do CAPITAL MATERIAL ($), se adaptando, mas não se sujeitando as Macro proposições sugeridas pelas Grandes Ideias  oriundas das Grandes Potencias Econômicas e Militares  do  G-7 e do BRICS , tem necessidade devido a cultura política já ter atingido uma fração representativa de votantes decepcionados com a atual classe política brasileira, que deseja que haja melhoria do Bem Estar Social e Moral dos cidadãos brasileiros, desta nossa Querida Pátria, com Liberdade de Expressão, com Liberdade de Imprensa - com responsabilidade social e moral; com a subordinação dos Direitos Humanos aos DEVERES com a HUMANIDADE – com  um sistema Capitalista Policiado, para fugirmos deste Mercantilismo, para um baixo nível de corrupção, com elevada noção de Rés Pública. E aos criminosos terem  elevadas punições, dentro de uma justiça a onde teremos que reformular o Judiciário. Respeitando nossos acordos internacionais desde que estes não tenham sido firmados para prejudicar a Soberania Nacional. Procuraremos sempre primeiramente o caminho da negociação diplomática e do poder judiciário para dirimir os conflitos domésticos.

   As bibliografias consultadas e muitas das vezes o aproveitamento de parte ou do todo do parágrafo modificado ou não, para adaptá-los aos interesses nacionais seguem no final  deste trabalho, onde devemos a FOREIGN AFFAIRS (CFR),  os artigos elaborados pelos privilegiados cérebros dos Senhores Stewart Patrick ; Erik Brynjolfsson , Andrew McAfee e Michael Spence; e os independentes livros e artigos do extraordinário cérebro do Senhor Michael Chossudovsky do  CETER FOR RESEARCH ON GLOBALIZATION (CRG) que serviram de base para elaborar este trabalho, com pinceladas da visão Sociológica e Moralista de cunho Científico.  

Assim sendo, vamos à obra!

Para que uma Família, um Município, um Estado e/ou uma Nação possa ter sua sociedade com vida mais harmônica, há necessidade de um equilíbrio das Três Pernas do Tripé dos CAPITAIS – Moral, Científico e Material ($). Se houver desequilíbrio em uma das pernas a Sociedade pode tombar – e entra no caos social. Desemprego, baixa remuneração, corrupção e etc.

        “Ultimamente o mercado mundial globalizado tem-se tornado cada vez mais padronizado para o Capital Material ($) e para o Trabalho. A disposição de ambos para caminhar para patamares mais elevados, independente de sua localização, tendendo para igualar seus preços em todo mundo, onde estas equalizações dos preços dos diversos fatores  tem beneficiado as Nações com abundancia de trabalho, de baixo custo e tendo acesso ao  Capital Material ($) muito barato. Alguns especialistas argumentam que este  momento de rápido progresso é devido a facilidade de encontrar Trabalho; outros acham que é devido a facilidade do crédito  ao Capital Material ($). O que estes analistas tem menosprezado é o fato de que a tecnologia não é somente o elo de ligação entre Trabalho e Capital. Mas também devido a grande velocidade de desenvolvimento de novidades científicas e tecnológicas criadas nesta nossa era, proporcionado pela Cibernética.”´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´´
Como não vou ter tempo neste momento para fazer uma simbiose dos artigos que selecionei para mostrar aos meus amigos o que está ocorrendo no Mundo dos Poderosos e os reflexos aqui no Brasil,  forneço-lhes a relação dos links a serem consultados.

Agradeço a atenção e desejo-lhes,
Saúde, com respeito e fraternidade,
Paulo Augusto Lacaz

LINKs –

The Council on Foreign Relations (CFR) and The New World Order

FHC profundos relacionamentos. Obteve recurso, na era Clinton, para criar a Fundação.

FGV representante do CFR no Brasil.
PETROBRAS – PEMEX
Foi feita esta associação? Como ficou este assunto?
CFR FGV
FGV no MEXICO junto  com ........ CFR
Photo: Last week the fifth Council of Councils Regional conference was convened by CFR with COMEXI and FGV in Mexico City. Read The Internationalist to learn about the highlights of the discussions that took place on the future of the Americas in global governance: <a   href= Photo: Last week the fifth Council of Councils Regional conference was convened by CFR with COMEXI and FGV in Mexico City. Read The Internationalist to learn about the highlights of the discussions that took place on the future of the Americas in global governance: <a   href= 







 
    
    



“ACORDOS POLÍTICOS”


PLANOS ESTRATÉGICOS PACÍFICOS PARA MUDANÇA DE
“ACORDOS POLÍTICOS”,
PARA A MELHORIA DA CONVIVÊNCIA SOCIAL BRASILEIRA.

Trabalho retirado do livro de Augusto Comte
APELO AOS CONSERVADORES
e adaptado as condições atuais por 
P.A. Lacaz

Além de termos que alterar o Regime Político de democrático para o SOCIETOCRÁTICO REPUBLICANO*, teremos que orientar os Políticos para promover a paz; mantendo algumas instituições estabelecidas, mas estruturadas para promover o progresso, para a prosperidade de todos e inclusive dos  trabalhadores, para a proteção dos pobres, livrando-os da miséria e favorecendo aos ricos, e que estes últimos, nunca se tornarem milionários; e que ambos, pobres dignos e ricos condescendentes  estejam sempre com saúde e tenham entre si uma elevada fraternidade. É utópico, mas jamais quimérico. (*)Vide as principais modificações e sugestões deste Novo Regime Político. Considerem para conhecimento do Slide 39 para frente http://www.doutrinadahumanidade.com/Palestra%20AMAN%20IV%20[Compatibility%20Mode].pdf 


Vamos grupar as fases desta sugestão estratégica, em três ações simultâneas.


 A sugestão não implica que seja plenamente aceita em todos seus tópicos, ela serve de base para a          Reestruturação Pacífica da Sociedade Brasileira.

 E não somente usando empiricamente o marketing de MUDANÇA, mas  o fazendo ser de                          PROGRESSO!

Por isso, somente com Mudanças, não ocorrerá nada; tem que existir mudanças que realmente os levem a grandes progressos Morais e Sociais, para sustentar a economia do sistema.

SÓ SE MUDA AQUILO QUE REALMENTE SE SUBSTITUI!

(1ª ) Primeira Ação:  A Política para os Conservadores.
(2ª ) Segunda Ação: Aliança dos Conservadores com os Retrógrados. 
(3ª )  Terceira Ação: Aliança dos Conservadores com os Revolucionários.

1ª - Primeira Ação:  A Política para os Conservadores.
           
1) CONDIÇÕES DE GOVERNO. Em todas as sociedades existe a especialização e existe o comando para que cada especialista tenha sua ação voltada para os objetivos da coletividade. A especialização é a divisão das profissões e dos trabalhos. O comando é feito pelo governo, que pode ser o governo material, para as ações, ou pode ser o governo moral, por meio da opinião, do ensino, por meio da religião, da propaganda, pelas mídias. Como conseqüência, em cada sociedade, existe quem COMANDA e existe quem OBEDECE. Se não houver obediência, não há governo, a sociedade não pode existir, a sociedade se desfaz, porque seus agentes, que sempre são autônomos, ficam em conflito. E o governo deve ter unidade; quer dizer, para cada atividade, deve haver um único dirigente. Se houver divisão do comando, com vários chefes, não há harmonia no grupo, falta UNIDADE, falta coerência, isto é, as ações não se fazem numa única direção, com um só destino. Assim, não se pode promover o GOVERNO DE TODOS POR TODOS, porque seria o caos, o fim do governo, por falta de um comando único. Numa Assembléia, sabe-se que ninguém manda, porque todos mandam e não há responsabilidade pessoal. A democracia, como regime político de liberdade e de representação do novo trabalhador não pode existir se TODOS mandarem. Mandam, de verdade, os REPRESENTANTES do povo. E nem todos os representantes representam bem os trabalhadores e nem sempre promovem a prosperidade do povo.
O governo tem o mando, e o grupo comandado deve obedecer. É a ordem DE CIMA PARA BAIXO. Se a ordem for DE BAIXO PARA CIMA, ou seja, se todos comandam, não há governo, é a revolução, o fim do grupo, não há progresso. São duas as condições para o desenvolvimento do grupo:

1.1    - Que exista QUEM PRONUNCIE de um único Comando. Quem finalmente pronuncia o comando – o PRONUNCIADOR REPUBLICANO (Rés públicas) – e que age diferente de quem manda com autoritarismo – de quem prega o totalitarismo por ser déspota. Aqui se apregoa o princípio da autoridade, legitimamente constituída e regularmente exercida.   http://societocratic-political-regime.blogspot.com.br/2014/02/pronunciadura-republicana.html
1.2. Que exista QUEM OBEDEÇA e aceite A SUBMISSÃO ao comando, voluntariamente de preferência, ou involuntariamente; mas tenha oportunidade de externar sua opinião, podendo ser aceita ou não. Portanto, não há progresso sem submissão dos comandados. Não há aperfeiçoamento, não há progresso sem submissão. A educação mostra que obedecer é a norma, e que obedecer de boa vontade nos conduz ao conforto e ao progresso; desde que o Pronunciador Republicano, faça cumprir as Leis Filosóficas Naturais do Entendimento ( da 1ª até a 9ª Lei)  e das Leis Filosóficas Naturais que  Regem o Mundo,(da 10ª até a 15ª Lei ) comum as Leis Filosóficas Naturais das sete ciências( matemática, astronomia, física, química, biologia, sociologia e moral) e suas respectivas tecnologias, para apoio da Rés Pública e das elevadas punições as suas discordâncias ou crimes.

             2) DOUTRINA POLÍTICA.
                        2.1 - Noções correlatas.
                                    2.1.1 - EMOÇÕES.
É importante notar que os sentimentos são motores afetivos que levam o animal a atuar. O sentimento de união ao grupo, o sentimento gregário e o altruísmo, que é o verdadeiro motor do progresso humano em sua longa milenar evolução social. Os importantes e indispensáveis sentimentos de proteção da pessoa, que são os do egoísmo, não devem perturbar a ação política.
           
                               2.1.2 - RELATIVIDADE.
O progresso da sociedade, seu aperfeiçoamento, faz reconhecer suas  imperfeições. Ou seja, o aperfeiçoamento indica que haveria antes imperfeições. A melhoria das instituições políticas ocorre por haver falhas. O progresso corrige-as sempre relacionando com as situações, que se alteram com o tempo. O progresso, assim, é relativo às condições de tempo e de lugar.
                          2.1.3 - AÇÃO CONSTRUTIVA.
A ação política deve combinar a ação com a opinião pública para atender ao bem da sociedade, numa ação construtiva harmoniosa. A norma do Humanismo do Regime Societocrático Republicano mostra a sociedade com base na FAMÍLIA, que forma a PÁTRIA. Essa norma é a garantia da autoridade e da propriedade. Ao longo de uma evolução milenar; cada filosofia, base mental de cada religião ou doutrina, em sua época de maturidade, assegurou a convergência dos humanos, por suas lendas históricas, servindo dessa maneira, para a formação da grande sociedade, em nossos dias; globalizada financeiramente hoje em dia, tornando a grande Humanidade no mundo; que deverá no futuro ser também globalizada altruisticamente, isto é, fraternalmente. Em SÍNTESE, o humanismo científico se torna a nova forma de pensar, por uma nova filosofia: os humanos, em sua vida, realizam seu destino permanente, em todas as épocas, para CONHECER, AMAR E SERVIR à HUMANIDADE. Nas diversas religiões ou doutrinas, a referência da vida foram seus deuses, que sempre levavam os homens ao serviço da sociedade, quando a doutrina chegava à maturidade.

 A doutrina da REVOLUÇÃO, da luta de interesses, da luta de classes, não resulta em desenvolvimento social, porque, de maneira enganosa, supõe, em erro, que o motor do progresso é a luta egoísta, isto é, a luta de classe. A política orientada de BAIXO PARA CIMA é revolucionária e é destruidora da harmonia social.

3) A HUMANIDADE, que é o conjunto dos seres convergentes do passado, do futuro e do presente, que concorreram, concorrerão e concorrem, para a melhoria  do bem estar social do ser humano no planeta Terra; tem como norma geral a FRATERNIDADE UNIVERSAL, realizando a atividade pacífica com base na ciência moderna para a prosperidade de cada trabalhador (proletários e patronais) e da Nação. No humanismo da Societocracia Republicana, a sociedade é vista como fundada na Família, que, em conjunto, formam as Pátrias. O humanismo científico construtivo mostra a importância de cada civilização em cada época, como fases sucessivas de um processo evolutivo contínuo, embora não exatamente linear. Vê-se que o PASSADO prepara o FUTURO, com ajustes do Presente, numa evolução gradual. A cultura social humana é a continuação espontânea da evolução animal, na única espécie capaz de acumular o conhecimento, movido pelo sentimento de sociedade com o altruísmo. O altruísmo é o verdadeiro motor da história humana.

O sentimento associativo, o altruísmo, (palavra criada por Augusto Comte), leva cada agente a obedecer à disciplina humana, que permite a convergência das ações. A obediência, a subordinação às normas e às leis é necessária ao progresso social.

O humanismo científico construtivo faz o reconhecimento da importância das civilizações antigas e de todas as religiões ou doutrinas que se criaram na evolução da sociedade. O humanismo científico comprova que o PASSADO prepara o Futuro, numa evolução continua, pelo ajuste do Presente. O Presente é um “flash”.

4) INSTITUIÇÕES IMPORTANTES. 

4.1 - A IMPORTÂNCIA DA PSICOLOGIA CIENTÍFICA ou MORAL TEÓRICA POSITIVA ou ainda conhecida como a CIÊNCIA DA CONSTRUÇÃO. A comunicação política se torna importante para gerar sentimentos e emoções. Os sentimentos são os motores, que comandam a inteligência e finalmente pelo caráter orientam a ação. A comunicação bem feita, isto é, sem mentiras, pode ajudar o Partido Conservador a obter o apoio de todo o povo na sua doutrina e na sua ação política. É necessário que todos reconheçam  que o mundo exterior domina a sociedade, e que os humanos apenas aprendem a modificar o mundo seguindo e se subordinando às leis naturais científicas e filosóficas positivas, que conseguem descobrir.  Todas as teorias, crenças e mitos do passado devem ser respeitados por sua benéfica ação realizados de forma empiricamente espontânea, e por vezes confusa, criada pela sociedade.

4.2 - A LIBERDADE TOTAL COM RESPONSABILIDADE. Com o termino da IDADE MÉDIA, ocorreu também a redução do predomínio da atividade militar, então, em geral, feita em caráter defensivo. A civilização tornou-se   A CIVILIZAÇÃO INDUSTRIAL que exige a liberdade de fabricar e de comercializar sempre dentro de normas fixas e de paz social. A liberdade de opinião deve ser mantida pelo governo político, na atividade produtiva e pacífica. A liberdade com responsabilidade é a base para o desenvolvimento social. A tirania, a falta de liberdade, paralisia a iniciativa. É o totalitarismo, em que o governo político destrói a liberdade de consciência e das demais liberdades sociais.

4.3 - O PAPEL DA MULHER. É importante na função feminina como Mãe de Família e como educadora dos sentimentos. A manutenção da FAMÍLIA é o fundamento da ação política do país. Os cidadãos formados em famílias bem constituídas não aceitarão as práticas políticas de retrocesso nem as práticas políticas destruidoras dos revolucionários radicais, como o comunismo e ditaduras militares e judiciais.

            5.0) –- APRECIAÇÃO APLICADA.  
                       
5.1 - Ação imediata.
A Ação Política da elite dos Conservadores será mais efetiva se tiver uma doutrina moderna para que ocorra a soma das ações dos seus componentes. Um impulso unânime deve ser constantemente sentido por todos. A massa geral da sociedade pode apresentar resistência natural contra a nova ação política dos Conservadores.
A nova política de RECONSTRUÇÃO é o resultado da MAIS PROFUNDA REVOLUÇÃO MENTAL da nossa espécie, pela formação da nova filosofia do HUMANISMO SECULAR. A transformação mental promove a promoção da capacidade intelectual, moral e política dos Conservadores, que são a elite dirigente.

5.2 - PLANO IMEDIATO.  
5.2.1 - VIDA PESSOAL. O Partido Conservador deve mostrar a todos que a disciplina pessoal faz parte da colaboração voluntária nas ações de reconstrução da nova sociedade, como uma civilização pacífica e industrial. Essa norma decorre da nova teoria sociológica científica. A disciplina de um indivíduo resulta da obediência às normas estabelecidas. Sem essa subordinação não há aperfeiçoamento. Pois ser disciplinado, não é não ter opinião; mas sim saber respeitar quem assume a responsabilidade de fazer o bem moral; e que se não der certo, será violentamente penalizado, pelo não sucesso de seu plano.

5.2.2 - VIDA FAMILIAR. O Partido Conservador mostrará como a família tem sua constituição com base na figura da MÃE, com orientação principal na educação dos sentimentos dos filhos e mesmo na educação continuada de toda a família, para colocar cada agente pessoal a serviço da sociedade, sempre em plena autonomia e plena liberdade, voluntariamente. É o que resulta da disciplina, com a submissão do egoísmo, dos interesses pessoais, com boa vontade, de baixo da bem aceita aplicação do sentimento social do altruísmo.

5.2.3 - VIDA PÚBLICA. A completa liberdade pública será sempre mantida pelos Conservadores, por meio da redução do poder coercitivo do Governo, LIMITADO ao controle dos ATOS dos cidadãos na vida pública. O governo material ou Temporal fica encarregado apenas da Segurança Pública, da Defesa Nacional, da Educação Básica Pública {( Do nível Infantil até o equivalente ao Cientifico ou Clássico) - As Universidades – Instrução Científica, serão particulares ou partilhadas com os Governos – onde os pobres terão Bolsas de Ensino gratuitas)}, da Saúde, do Judiciário, das Relações Exteriores, da Defesa dos Contratos e das Propriedades Individuais e Industriais. Responsável pela manutenção da competição salutar do comércio e da indústria – Controlar a estabilidade econômica da Moeda – isto é a Inflação – e garantir o livre comércio, e de ser REGULADOR e não controlador; e também de umas poucas tarefas em que não exista empresa particular que se ofereça para sua realização. Mas hoje em dia, devido ao alto grau de sentimento egoísta reinante, desprezamos não plenamente esta norma para como exceção, algumas estatais e paraestatais (NASA e a PETROBRÁS são exemplos em dois paises, USA e no Brasil, respectivamente),  que devido as suas posições estratégicas tenham que ficar ainda administradas pelo Estado. O poder político será proibido pelos Conservadores, de controlar a formação da opinião pública, assegurando a mais completa liberdade civil, de manifestação, de reunião, de ensino, de religião, em todos os aspectos. Os conservadores nunca permitirão a interferência do poder público sobre a propaganda pela mídia, sobre a consciência, sobre todas as liberdades civis, proibindo a tirania da ditadura e do totalitarismo. Entendendo-se por consciência, a mais nobre e mais eficiente das forças morais, decorrente da combinação dos sentimentos com a razão para corrigir a ação. Tomar consciência é a simbolização a posteriori do resultado desse processo, realizado a nível não consciente.  Como percepção das  sensações interiores na pessoa, foi tida a consciência como manifestação da divindade ou de poderes ontológicos.  Rousseau a chamou de instinto divino, juiz infalível do bem e do mal, na forma de um ente metafísico. POLITIQUE, IV, 219,334; COELHO, 1980, 47,85; LINS,
1965,221e ROBERTO CAMPOS  (1917 – 2001) –

Mas jamais poderemos concordar que o Banco Central do Brasil seja Privatizado. O BC fará parte da COG – da Câmara de Orçamento e Gerenciamento do Regime Societocrático Republicano. Caso seja privatizado os políticos perdem todo seu valor social.
Ficaremos escravos do dinheiro. Desta forma surgirão quantidades enormes de Miseráveis e de Milionários.

O Barão MA Rothschild escreveu:  "Dê-me o controle sobre a moeda de um país e eu não me importo com quem faz suas leis."

O Meritíssimo Senhor  Felix Frankfurter, Ministro da Justiça do Supremo Tribunal Federal dos USA (1939-1962), disse: ". Os verdadeiros governantes em Washington são invisíveis e exercem o poder por trás dos bastidores"
Em uma carta a um associado de 21 de novembro de 1933, o presidente Franklin Roosevelt escreveu: "A verdade da questão é, como você e eu sei, que um elemento financeiro nos grandes centros tomou posse do governo desde os dias de Andrew Jackson."
Em 23 de fevereiro de 1954, o senador William Jenner alertou em um discurso: "Exteriormente temos um governo constitucional. Temos operando dentro de nosso governo e sistema político, outro órgão (CFR) que representa outra forma de governo, uma elite burocrática que acredita que  nossa Constituição está fora de moda. "

5.2.3.1 - A OPINIÃO PÚBLICA, em plena liberdade com responsabilidade, terá a importante função de FISCALIZAÇÃO do governo político, através da Imprensa Livre, com responsabilidade social. Essa opinião pública em liberdade é a garantia efetiva contra o totalitarismo. Os formadores de opinião, com as funções do sacerdócio do passado, como os professores, psicólogos, sociólogos, médicos, jornalistas, devem ser plenamente livres das normas e da legislação do poder político, e devem ser impedidos de se tornarem mercenários bem pagos pelo poder político que é por natureza corruptora.
5.2.3.2 - O ensino primário fundamental será público e gratuito; e oferecido pelo governo. Mas o ensino científico deverá ser oferecido pelo ensino particular, sem a intervenção do governo, mantida a plena liberdade de ensino. Os formadores de opinião ficarão com a missão de sistematizar e desenvolver a harmonia das classes sociais. Deverão estimular a ética social dos grandes empresários, em sua ação no desenvolvimento do país e na criação de empregos. Os empresários dessa forma merecerão o respeito e a admiração dos trabalhadores. Ao mesmo tempo, os empresários oferecerão proteção aos pobres e aos miseráveis, estimulando o voluntário que ajude a corrigir as injustiças e a miséria.

O ensino científico LIVRE, não oficial, não governamental, deve colaborar para que a opinião pública se torne livre dos sentimentos de REVOLUÇÃO E LIVRES DE SERVILISMO. O que corresponde a evitar que os trabalhadores mostrem INVEJA CONTRA OS RICOS e contra os empresários.
São os grandes empresários, com nova mentalidade que decidem as ações no país; são eles quem de fato governam as ações que produzem a riqueza da nação, que promovem a prosperidade dos trabalhadores, que tornam o país mais próspero.
Os formadores de opinião, os políticos, fora do governo, deixando de ser mercenários a serviço do poder, se tornam, assim, os FISCAIS IMPARCIAIS dos empresários e do governo com a colaboração ativa dos trabalhadores.
           
As normas políticas do Humanismo científico, a serem seguidas pelos empresários, devem recomendar que os Conservadores façam à Aliança Política com os Retrógrados e com os revolucionários no Governo Político.

2ª - Segunda Ação: Aliança dos Conservadores com os Retrógrados.
           
            GERAL.
            Um grande problema só pode ser levado a sério depois que for proposta uma SOLUÇÃO; caso contrário, sem uma sugestão de solução, as questões são postas de lado, não são consideradas. Portanto, após o conflito que houve ao fim do feudalismo e de suas crenças na secularização, a reconstrução só poderá ser feita se existir uma solução. Sem uma solução estabelecida, o perigo da destruição revolucionária recoloca os retrógrados no poder político. Assim o retorno a regimes radicais de direita totalitária, não podem ter nossa aprovação, merecendo, porém, a nossa simpatia, por protegerem as instituições e por protegerem a ordem estabelecida.

Portanto, os Conservadores podem merecer e obter a aliança com os Retrógrados da direita, se conseguir evitar o perigo da ação destruidora dos Revolucionários.

A reconstrução política do governo só poderá ser feita de acordo com as normas Humanistas Científicas bem compreendidas e destinadas ao bem da coletividade. A existência de uma opinião pública livre é fundamental para a ação política dos Conservadores.

As normas de ação política deverão se apoiar na Sociologia Científica, levando a uma filosofia social e a um Humanismo moderno leigo, sem oficializar, sem preconceitos religiosos e ideológicos fetichistas, teológicos e metafísicos.

    Será possível uma imparcialidade completa do poder político, com a proibição da propaganda oficial e da intromissão do poder material político da riqueza e da violência na formação da opinião pública. Com a reconstrução do governo político moderno, a sociedade industrial e pacífica fará a prosperidade e riqueza dos trabalhadores BRASILEIROS e da NAÇÃO BRASILEIRA; e farão o progresso desejado de todos, PELOS SEUS MÉRITOS, na coletividade; e servirá como exemplo a ser imitado por outras Nações.
Os políticos de direita retrógrada ficam em geral, sem ação, permanecendo passivos em termos normais. Mas se tornam ativos ao ocorrerem perturbações De todas as Instituições já existentes. E sempre são muito úteis já que podem evitar, com sua vigilância, os males da revolução social.

I - ALIANÇA DOS CONSERVADORES COM A DIREITA.
A pequena burguesia ou classe média é perturbadora, e em geral egoísta e frívola. Os partidos Aristocráticos de direita podem muito ajudar ao governo dos Conservadores.
O governo político não deve manter nenhuma doutrina e nenhuma religião oficial, mantendo a total liberdade de consciência e de ideologia.

Devem ser feitas duas ações:

            1.1 SISTEMA DE CONTEMPORIZAÇÃO;
            1.2  ALIANÇA RELIGIOSA.

1.1  SISTEMA DE CONTEMPORIZAÇÃO
      O governo deve ser leigo, secular, para evitar a tendência para a TEOCRACIA, que é o governo pelas autoridades religiosas, ou com influência predominante dos religiosos teologistas. Mas deve o poder político oferecer completa liberdade aos religiosos de todas as seitas. E mais ainda, mostrar respeito e gratidão a todas as seitas e ideologias em sua propaganda e em sua atividade de ensino; desde que não interfiram nos planos do Governo Material – Separação do Estado da Igreja -
O Partido Conservador deve mostrar o reconhecimento geral ao catolicismo por sua civilização na Idade Média, como pela tendência católica ao culto da figura de Mãe, na pessoa da Virgem, mãe da divindade, e pela unidade de doutrina resultante da chefia do Papa, tido como infalível. Os protestantes apresentam uma tendência que varia, em ser ora retrógrada, ora revolucionária. Mas os deístas e panteístas por vezes tendem á retrogradação teocrática ou ao governo dos sábios, o que se chama de PEDANTOCRACIA, que representa o poder nas mãos dos intelectuais retrógrados, sempre com tendências totalitárias. ( Universitários Brasileiros de Hoje – ano 2014)
  
1.2  - ALIANÇA RELIGIOSA.
         O partido Conservador deve estimular o acordo entre os políticos da direita religiosa para que se unam num ECUMENISMO sem denominação, mantendo a cordialidade entre as diversas interpretações religiosas, evitando a pretensão do domínio de uma das seitas sobre as outras. O acordo ecumênico é uma proteção contra a reação anti-religiosa dos partidos de esquerda. A ALIANÇA RELIGIOSA deve, em especial, aliarem cristãos e mulçumanos; e cristãos com judeus. Os sacerdotes Católicos através do Vaticano é que possuem a devida competência doutrinária minimizar os conflitos entre Mulçumanos e Judeus. Os sacerdotes católicos através do Vaticano é que possui a devida capacidade religiosa, para harmonizar a paz entre mulçumanos e judeus, na palestina. ( O PAPA Francisco visitou  por esta finalidade Israel – 2014)
                                  
3ª-Terceira Ação: Aliança dos Conservadores com os Revolucionários. 

 GERAL
            Os Conservadores não devem LIMITAR SUA AÇÃO POLÍTICA, realizando apenas a NEUTRALIZAÇÃO da perigosa ação dos Revolucionários empregando a reação dos Partidos de Direita. Essa atuação leva a uma estagnação política, sem progresso da Nação.
         Temos três partidos: Os conservadores ficam sempre com o poder, os retrógrados de direita resistem às mudanças, defendendo as instituições existentes. Os revolucionários de esquerda fornecem o impulso para as mudanças. Porque os programas montados são somente para ganhar as eleições pelo sistema democrático;  e depois o que vem a ter valor são os acordos – corruptos, nas Assembléias, que nada tem haver com as propostas de campanha eleitoral.
           Por falta de um programa político, todos os partidos são incoerentes, por vezes seus agentes trocando de posição repetidamente.
            Aos revolucionários falta uma TEORIA PARA PREVISÃO. E a eles falta uma CHEFIA competente para desenvolver a teoria e o programa necessário. Os dirigentes de esquerda são incompetentes – e acima de tudo se esquecem quando atingem o poder dos compromissos com o povo – adoram o Poder pelo Poder.
        Os revolucionários receberam da Idade Média dois problemas inseparáveis para ser resolvido:
·         Primeiro problema: acabar com a pobreza assimilando a população à sociedade.
·         Segundo problema: criar a civilização científica mundial do Humanismo para substituir a civilização teológica da Idade Média.

ESSA É A MAIS PROFUNDA REVOLUÇÃO MENTAL DA EVOLUÇÃO HUMANA.
É a mudança que prepara a nova sociedade industrial e pacífica moderna, jamais vista no mundo.
NOTAR BEM que estamos colocados frente ao problema de realizar a mais profunda revolução mental da história humana.
Os Revolucionários ilustrados, diplomados, são os mais perturbadores e mais atrasados.
           
     O individualismo radical coloca a opinião e os objetivos pessoais acima das normas sociais, levando à revolução e à anarquia; e impedindo a reorganização e o progresso da sociedade. O individualismo radical leva a uma infalibilidade do indivíduo para substituir a INFALIBILIDADE DO PAPA. É a suposição de que existe a INFALIBILIDADE DA OPINIÃO DE CADA UM, o engano que se opõe a toda direção e a toda regra. A infalibilidade de cada pessoa é base de revolução de cada um contra a coletividade. É a revolução destruidora. Todo grupo tem um chefe, um orientador. Os trabalhadores costumam confundir a FRATERNIDADE com todos, com a IGUALDADE de todos, prometida pela esquerda, igualdade que degrada; igualdade que não se realiza, igualdade de mentira, usada pela propaganda enganosa, principalmente comunista.
            É a promessa de igualdade que satisfaz à VAIDADE e satisfaz à ambição de chefiar, que é a doença moderna, dos políticos e dos executivos de hoje, doença da fase destruidora da Idade Média. Em geral os Revolucionários Letrados são incuráveis, ao contrário dos Revolucionários Trabalhadores. A principal tarefa dos Conservadores é promover o esclarecimento dos Trabalhadores e do povo, para que desconfiem dos revolucionários niveladores, ambiciosos e incompetentes. Eles prometem uma igualdade impossível. Igualdade somente de oportunidade.
            Os doutores revolucionários são formados pelos sacerdotes católicos, são filhos intelectuais degenerados dos religiosos. Mostram a insuficiência das crenças religiosas em nossos dias.
            Os retrógrados desejam a construção da nova civilização, mas sem abalo brusco. Os revolucionários procuram à mudança por meio de reformas radicais e imediatas.
            O Humanismo científico regenera a sociedade, REGULANDO e HARMONIZANDO as novas classes surgidas após a SECULARIZAÇÃO, que marcou o fim do poder religioso do PAPA e com o fim do FEUDALISMO da Idade Média, na Europa do Oeste. Essa Europa católica é que liderou o progresso humano, progresso que resultou da evolução religiosa no catolicismo da Idade Média. Note-se que os primeiros cientistas no fim da Idade Média eram padres, que, desenvolveram a ciência dos gregos, sem saber que o espírito científico moderno, mais tarde, se mostraria contrário à sua própria religião e também das outras religiões teológicas.
            A classe empresarial deve colaborar para que os trabalhadores possam manter a família bem organizada, como a melhor base das instituições da sociedade. O empresariado deve dar o exemplo de dedicação aos pobres e de sua proteção. Dessa forma, serão merecedores do respeito e do agradecimento dos trabalhadores. Trabalhadores verão que a luta, a violência e os sentimentos revolucionários só favorecem aos enganadores gananciosos, aos demagogos, sem promover o enriquecimento dos pobres e da sociedade.
            Os Conservadores devem governar, mantendo:
A ORDEM MATERIAL;
O DESENVOLVIMENTO DA NAÇÃO;
A LIBERDADE DE CONSCIÊNCIA e DE OPINIÃO.
           
A educação científica NÃO DEVE ser controlada pelo poder político. A LIBERDADE DE ENSINO SUPERIOR deve ser mantida.
A plena liberdade produz a desigualdade das pessoas, mostrando a diferença entre os indivíduos e grupos. Assim, a liberdade com responsabilidade e moral faz mostrar a desigualdade, indicando a diferença entre as pessoas; e são pelas diferenças que ocorrem as Uniões, depois as Unidades e finalmente as Continuidades.     
O nivelamento político artificial coercitivo, com a igualdade obrigatória de todos, destrói a liberdade. É um aspecto do totalitarismo comunista, uma política impossível de dar certo.

Os Revolucionários são de dois tipos:
           
OS REVOLUCIONÁRIOS LETRADOS, os DOUTORES.
OS REVOLUCIONÁRIOS TRABALHADORES.

E podem ter duas outras tendências revolucionárias:

REVOLUCIONÁRIOS LIBERAIS EM POLÍTICA, a favor da liberdade;
REVOLUCIONÁRIOS NIVELADORES, não literários.

Podem ainda ser:

REVOLUCIONÁRIOS SOCIAIS, ASSOCIATIVOS.
REVOLUCIONÁRIOS INDIVIDUALISTAS.

Os revolucionários doutores tendem ao individualismo (se afogando nos milhares de páginas dos livros de sua particular biblioteca) e os revolucionários trabalhadores tendem a ser revolucionários sociais. Os melhores revolucionários são os revolucionários adeptos da liberdade política e os revolucionários sociais. Os doutores em geral são irrecuperáveis. Devemos apoiar os liberais em política e negar apoio aos niveladores da igualdade. Acolher os letrados liberais em política, mas repelir os proletários niveladores.
            Os revolucionários formam a tendência partidária MAIS INCOERENTE de todos os partidos.            
O parlamentarismo esconde a tirania do poder político sobre a livre opinião.
Ela dissimula o totalitarismo, a falta de liberdade, já que a tirania é oficializada pelos falsos representantes do trabalhador. Aparenta ter decisões unânimes e justas, oficializada por uma Assembléia. A decisão em Assembléia é imprevisível, onde não há poder individual, não há unidade de comando, diluindo-se a responsabilidade. E não havendo responsável, ocorre um governo que terá um progresso anárquico e de ordem retrograda.
O sistema eleitoral deve ser adequado para os objetivos políticos de reconstrução da civilização moderna. Para evitar a demagogia, o voto deve ser aberto e não secreto. O uso do processo eleitoral é aconselhável, mas quando mal empregado dá lugar à instabilidade política, à anarquia e à demagogia. O sistema de votação deve ser o SOCIETOCRÁTICO
Os revolucionários, à esquerda, são os agentes do programa histórico posto na Europa Ocidental, são os políticos que estimulam a ação política, que promovem o Progresso.

A ALIANÇA POLÍTICA a ser feita pelos Conservadores deve unir a ação política dos conservadores e dos funcionários liberais não niveladores. O objetivo final é retornar à união do COMANDO com a RIQUEZA. Os retrógrados devem ser convidados a uma ALIANÇA RELIGIOSA para unir os diversos religiosos a serviço da ética, na sociedade. Os revolucionários podem ser aproveitados por meio da comunicação, por meio do apelo seus sentimentos sociais.

A pequena burguesia é egoísta e frívola. Classe Média

A pequena burguesia invejosa promove a resistência contra a concentração do poder com os grandes proprietários. Só o grande empresariado proporcionará o desenvolvimento econômico e os empregos necessários à vida e ao progresso dos trabalhadores. Pequenas empresas grandes problemas! Grandes desperdícios!  A Moda não provoca a distribuição da renda. Concentra o consumo da venda em um mesmo indivíduo; incrementando de forma brusca a utilização de novas tecnologias, sem a devida necessidade, para um novo produto, que promove o mesmo efeito do anterior, adicionando muitas das vezes de supérfluo (Moda), que faz o efeito semelhante sem criar o desenvolvimento econômico. (Exemplo: Telefone celular) e sim o crescimento econômico, que não distribui a renda.  Mas neste assunto não devemos alterar nada neste momento.
           
O humanismo  na política deverá promover duas alianças:

1. ALIANÇA RELIGIOSA com os religiosos retrógrados.
2. ALIANÇA POLÍTICA com os revolucionários, sob a direção dos Conservadores.

Somente os conservadores podem instalar um governo de progresso, mantendo grande parte das instituições. O ACONSELHAMENTO POLÍTICO deve sempre estar fora do poder político. Ou seja, os cientistas políticos não  devem pertencer ao grupo do poder, não terão cargo no poder. Assim, eles não poderão IMPOR as suas sugestões, que deverão ser aceitas por seu valor real e jamais pela coerção do poder.
            Os Humanistas cientistas respeitam, sempre, todas as autoridades constituídas, sem diferença de sua tendência.
Os Humanistas cientistas têm o DEVER de orientar os Conservadores, mantendo-se fora do poder político. Dessa forma os conselhos se mostram imparciais e terão completa plena liberdade, sem pressões ideológicas do poder.
         O presidencialismo sempre manterá amplas liberdades civis, SEM INTERVIR na FORMAÇÃO da OPINIÃO PÚBLICA. Os formadores da opinião terão sempre total liberdade, com a devida responsabilidade. O presidencialismo é estritamente temporal, material, sendo republicano ( rés - publica) com amplas liberdades e monocrático, para ter unidade de comando.
O governo político deve sempre ser respeitado, da mesma forma como a    propriedade e a riqueza.

O respeito ao governo Temporal deve sempre ser mantido, embora estejam em mãos de maus políticos, para que não haja revolução e violência. Os ricos devem estar preparados para retomar o poder, que sempre lhe pertenceu na historia do governo político; respeitando o valor do pobre digno.
            O verdadeiro republicano, isto é, aquele que defende a rés-pública - tem que ser conservador. E só pode sê-lo se for defensor do bem público. Porque os republicanos não farão bem ao povo por meio da revolução. E os Conservadores não podem retroceder por meio da monarquia hereditária ou pelo totalitarismo tirânico.
Os ricos atuando com dedicação, eficiência e correção no poder merecerão e receberão a gratidão e a veneração dos trabalhadores; quando estiverem preparados para assumirem o comando do bem estar da Nação, sem se esquecerem dos Lucros e nos custo operacionais.
            Há os demagogos retrógrados e os retrógrados demagogos.
            O PARTIDO CONSTRUTOR  ou Evolucionário deve assegurar:
Não destruir tudo, não usar violência;
Não retrogradar aos privilégios de classe.

DUAS TRANSFORMAÇÕES POLÍTICAS são necessárias ocorrer:

CULTO HISTÓRICO
DESCENTRALIZAÇÃO, MUNICIPALIZAÇÃO

I. CULTO HISTÓRICO

            O governo dos Conservadores deverá instituir o CULTO HISTÓRICO CÍVICO, de caráter Humanista leigo, que não religioso teológico, metafísico ou fetichista, pelo uso da comunicação social, comemorando os eventos do passado por meios dos feriados e da mídia. Esse culto não terá feição religiosa, mantendo a separação do governo político em relação a todas as religiões e todas as seitas, para manter a LIBERDADE RELIGIOSA e a LIBERDADE DE IDEOLOGIA. O culto histórico destina-se a manter e incentivar o amor à pátria e aos seus maiores servidores, mostrando a ligação da ação política com os serviços prestados pelos nossos antepassados. Deve reforçar a gratidão dos que vivem no presente em relação aos que viveram no passado. A gratidão nos encaminha à disciplina pessoal e política, com a necessária adesão aos ensinos do passado. É um tratamento político preventivo contra a doença da revolta contra o passado.   
 
Com a completa liberdade da sociedade, a disciplina material, por meio das instituições políticas no governo, deve ser feita em meio à desordem intelectual e moral das opiniões e costumes, que devem ser livres. Porque o governo político não tem poder sobre o plano moral e intelectual. Toda insurreição, toda revolução, toda violência, deve ser evitada. O programa político social bem conduzido fará com que o povo não apóie os perturbadores. O governo deve ter todo controle político sem ferir a liberdade pública.

            O modo de controle parlamentar, pelas Assembléias são onerosas e corruptas, onerosas e degradantes. A diferença entre as leis complementares e os decretos presidenciais não tem diferença, já que o parlamentarismo não garante liberdade e a honestidade. O presidencialismo não pode degenerar um totalitarismo, tornando-se uma ditadura, porque o comando único do Presidente da Pronunciadura Republicana é submetido ao controle de uma assembléia eleita societocraticamente, o que assegura um regime Societocrático de liberdade com responsabilidade e elevadas penalidades, devido a uma Imprensa Livre, com grande responsabilidade. O presidente fica sujeito a severas penalidades, sob essa fiscalização independente.  O controle do presidente ou do primeiro ministro no parlamentarismo é feito pela assembléia legislativa. Esse controle de parlamentares é sempre anulado por negociação de troca de favores e de corrupção. Essa é a razão de ser das assembléias democráticas, um regime de corrupção permanente, irresistível. A negociação e a troca de favores é parte da instituição parlamentar, é a corrupção oficializada, é a corrupção colocada como boa norma política obrigatória. No presidencialismo da República Societocrática, o executivo não tem necessidade de corromper a assembléia de controle, porque não tem que ter a base parlamentar onerosa para governar. Porque o presidente tem o poder de governar, sem dividir as decisões e os atos com o parlamento. E a assembléia orçamentária que fiscaliza e controla a ação do presidente está proibido de ter cargo no poder político. Por essas razões só uma Câmara de Orçamento e Gerenciamento, comungada com um Congresso Nacional cujos participantes são eleitos por um sistema eleitoral societocrático que deverá ser adotado. O puro parlamentarismo é oneroso e é degradante. O parlamentarismo tanto puro como misto  é sempre o regime político da corrupção ativa e passiva. Mas para evitar grande revolta atual, vamos criar um sistema misto acima proposto.

            A transformação política deve ser feita DE CIMA PARA BAIXO, mas sem insurreição, sem revolução, sem violência, sem totalitarismo, por meio de pacto livre. Assim pode-se chegar à REPÚBLICA, chegar ao bem público, do povo, e para chegar ao progresso do trabalhador dentro da ordem, mantendo as instituições com “liberdades democráticas”. Muitos poucos Humanistas cientistas deverão orientar os Conservadores, a quem deverá caber a iniciativa. Não existe governo DE BAIXO PARA CIMA. De baixo para cima é a revolução, que não tem comando, e que leva sempre à reação de direita, na forma da tirania retrógrada, como ocorreu com NAPOLEÃO e com STALIN e em muitos outros casos de crueldade sem limite.
            Estamos vendo uma evolução social e política de 30 séculos, desde a teocracia oriental até a sociedade industrial e aparentemente pacífica de nossos dias, na modernidade.

ALIANÇA: Os Conservadores republicanos ( rés - publica)  unidos aos republicanos conservadores eliminarão da política os DEMAGOGOS RETRÓGRADOS e os RETRÓGRADOS DEMAGOGOS. É a formação do PARTIDO CONSTRUTOR, para eliminar a revolução destruidora e acabar com o retardamento do retorno ao passado.

II. DESCENTRALIZAÇÃO POLÍTICA. MUNICIPALIZAÇÃO.
            A centralização política resultou da perda do poder religioso e político dos Papas, chamado de secularização.    
    
A globalização da civilização da Europa do Ocidente fez prevalecer o governo do tipo aristocrático da Inglaterra, com o parlamentarismo protestante. Que se tornou retrógrado.

            Os pensadores do Humanismo cientista podem orientar os governos, devendo ficar sempre de fora do poder, mantendo sua imparcialidade e sua liberdade de opinião. Mas pertencendo a um Grupo de Homens, como ocorre hoje em dia no Senado Americano – US Government Accountability Office (US GAO), com mais amplos poderes de Estado. Proponho o nome e a função operacional no órgão de controladora dos US Government Positive Moral, Social and Accountability Office (US GPMSAO), cujo local físico será fora do Capitólio  em um prédio Novo, longe dos políticos.